Click here to download

The outsourcing in the public service in Brazil: the case of outsourced workers in Federal University
Journal Title: SOCIOLOGIA DEL LAVORO  
Author/s: Graça Druck, Jeovana Sena, Marina Pinto, Sâmia Araújo 
Year:  2018 Issue: 151 Language: Italian 
Pages:  19 Pg. 63-81 FullText PDF:  141 KB
DOI:  10.3280/SL2018-151004
(DOI is like a bar code for intellectual property: to have more infomation:  clicca qui   and here 


The authors analyse outsourcing in the public service, through a case study of outsourced workers at the Federal University of Bahia. They discuss how, in the context of globalization, the neoliberal state transformed the work of the public servant. They describe the origin and regulation of outsourcing in Brazil and in the State of Bahia. They present the results of research carried out at the Federal University of Bahia, Brazil, in 2015, that involved outsourced workers in the areas of cleaning, concierge and surveillance. The data sources used were the management reports of the University and interviews with the workers, whose information allowed to draw their profile and the illustration of indicators of working conditions, labor rights, work environment, initiatives for compliance with their rights in the context of a weak trade union organization.
Keywords: Outsourcing, outsourced workers, public service

  1. Amorim H. (2009). Terceirização no serviço público: uma análise à luz da nova hermenêutica constitucional. São Paulo: LTr.
  2. Amorim H. e Delgado G. (2014). Os Limites Constitucionais da Terceirização. São Paulo: LTr.
  3. Brasil (1995). Ministério da Administração Federal e da Reforma do Estado. Brasília: Presidência da República.
  4. Costa S.G. (2007). O pai que não é o patrão: vivências de sujeitos terceirizados no Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul. Revista Organizações & Sociedades, 42 (14): 97-113.
  5. Coutinho G.F. (2015). Terceirização - máquina de moer gente trabalhadora – a inexorável relação entre a nova merchandage e a degradação ambiental, as mortes e mutilações no trabalho. São Paulo: LTR. Cunha Y.R. (2015). Terceirização e terceirizados: um estudo sobre os impactos objetivos e subjetivos da terceirização sobre trabalhadores terceirizados que atuam no setor de limpeza em escolas estaduais no município de Marília-SP. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília, Universidade Estadual Paulista, Marília.
  6. Dardot P., Laval C. (2016). A nova razão do mundo: ensaio sobre a sociedade neoliberal. São Paulo: Boitempo.
  7. DIEESE (Departamento intersindical de estatística e estudos socioeconômicos) (2016). Pesquisa de Emprego e Desemprego, Inserção da população negra nos mercados de trabalho metropolitanos. São Paulo: DIEESE.
  8. Druck M.G. (2016). A terceirização na saúde pública: formas diversas de precarização do trabalho. Trabalho, Educação e Saúde, 14 (1): 15-43.
  9. Druck M.G. (1999). Terceirização (des)fordizando a fábrica. São Paulo: Boitempo.
  10. Druck M.G., Franco T., a cura di (2007). A perda da razão social do trabalho: terceirização e precarização. São Paulo: Boitempo.
  11. Filgeiras V. (2014). Terceirização e trabalho análogo ao escravo: coincidência?, disponibile all’indirizzo em http://indicadoresderegulacaodoemprego.blogspot.com.br/. Acesso em 24 junho de 2014.
  12. Jacobsen A.L., Cordero E.R. (2015). A terceirização da segurança nas instituições federais de ensino superior: um estudo na UFSC. In: CIGU – Colóquio Internacional de Gestão Universitária, 15, 2015, Mar del Plata – Argentina, 2015. Anais. Mar del Plata.
  13. Kowarick L. (1994). Trabalho e vadiagem: a origem do trabalho livre no Brasil. Rio de Janeiro: Paz e Terra.
  14. Marcelino P. (2004). A Logística da Precarização: terceirização do trabalho na Honda do Brasil. São Paulo: Expressão Popular.
  15. Sanches A.T. (2009). Terceirização e ação sindical no setor financeiro. In: Encontro Nacional da ABET, 11. Anais, Campinas: ABET, 2009.
  16. Silva R.M. (2014). Liberalismo e a terceirização no setor público brasileiro: um estudo acerca da terceirização na Universidade Federal de Uberlândia.
  17. Seminário Nacional de Teoria Marxista – Uberlândia, 12 a 15 de maio de 2014.
  18. Viotti da Costa E. (1977). Da Monarquia à República: momentos decisivos. São Paulo: Grijalbo.

Graça Druck, Jeovana Sena, Marina Pinto, Sâmia Araújo, The outsourcing in the public service in Brazil: the case of outsourced workers in Federal University in "SOCIOLOGIA DEL LAVORO " 151/2018, pp. 63-81, DOI:10.3280/SL2018-151004

   

FrancoAngeli is a member of Publishers International Linking Association a not for profit orgasnization wich runs the CrossRef service, enabing links to and from online scholarly content